CORRIDA DO DIA DOS PAIS - 13-08-2017 - SÃO JOSÉ DOS PINHAIS

Neste domingo dia 13-08-2017 foi realizada a 2ª etapa do circuito de corrida de rua de SÃO JOSÉ DOS PINHAIS.
Eu não havia ainda decidido se iria participar do evento desde a abertura das inscrições, por razões particulares, o que acabei decidindo algumas semanas antes.
Já haviam na lista de inscrições mais de 40 JACARÉS e eu não tomava um rumo sobre o que fazer, na qual participar, após estar ciente de que poderia correr em uma delas, a Policia Militar onde haveria mais de 5000 participantes, o desafio INTER PRAIAS de 12 km em Balneário fazendo todo o percurso do INTER PRAIAS com aquelas subidas desafiadoras "passeando" pela orla naquelas vistas maravilhosas ou estar no reduto dos JACARÉS, correndo em casa, "desfilando" pelas ruas da cidade.
Após concluir a inscrição dos JACARÉS no inicio de JULHO, avisei ao SAMUEL de que provavelmente iria participar, mas nada de se inscrever...rsss...mas após isto coloquei a TODOS sobre a corrida KIDS que haveria no sábado e que poderia fazer as inscrições de quem talvez quisesse, e a surpresa foi grande pelo numero de solicitações para tal.
Ai não tinha mais retorno...rss...era essa mesmo, sem duvida, a de SJP....e de imediato fiz a inscrição da Luisa também. 
E foi ai que começou a se desenhar algo QUE EM ALGUM LUGAR alguém deve ter construído para mim e sou eternamente grato. Conversei com a LUISA sobre falar com a mãe do LORRAN, um dos alunos da ESCOLA ESPECIAL MADRE PAULINA, para ver se ela não traria ele para a corrida KIDS, pois ele já havia a alguns anos atrás ido participar da KIDS DA LUA CHEIA no parque TINGUI, sob a responsabilidade  da Celinha e nós (eu e a Luisa) sabíamos o quanto ele gostava de correr.  A Luisa somente mencionou para mim que logo seria o aniversário dele e que ele ficaria feliz em participar, mas quando fui "calcular" a idade do Lorran, veio a surpresa de que ele iria completar 18 anos e a data limite do KIDS era 15. De imediato avisei a Luisa de que se a mãe trouxesse ele no domingo eu iria inscrever ele e eu iria correr junto com ele.
A mãe concordou e lá fui eu fazer a inscrição dele, onde aqui agradeço ao SAMUEL que na hora que fui pagar a inscrição, me avisou para inscrever ele como PNE e que a inscrição não seria cobrada. (Que DEUS te abençoe sempre Samuel). Na escola, sabendo de que iria correr, o garoto todo dia estava eufórico, não vendo o dia de poder correr. Nesta correria quem quase ficou sem inscrição fui eu, pois nem havia percebido de que eu não havia feito a minha...rsssss
Com a confirmação de vários JACAREZINHOS inscritos na KIDS sábado, já fui instalar as tendas, e alguns apetrechos colocados a disposição dos mesmos e principalmente agua, o que devido ao sol forte, varias outras crianças vieram pedir se poderiam pegar...rsss.
ME perdoem, mas não vou dar nomes aos KIDS, porque com certeza, NÃO lembro o nome de todos.,,,rss   
Uma prova impecável, muito bem organizada, presença de grande numero de participantes, lotando o ginásio para as categorias de 100 m e 200 m, o que associado ao lançamento do projeto CIDADE ATIVA, CIDADE SAUDAVEL, trouxe mais publico ainda para o local.  Um grande número de pessoas assistindo as provas de 400 m, 600m e 1000 m na rua em frente ao ginásio.
Uma tarde de sábado abençoada e cheia de alegria com  os sorrisos, os choros estampados em muitas crianças...que passam a ter já uma noção de que a disciplina no esporte é um aprendizado para a vida, que a maior vitória é aprender o respeito, a convivência, e é fundamental na formação da personalidade e no caráter do ser humano no amanhã. 
Após um sábado maravilhoso, a expectativa para o DOMINGO, corrida dos PAIS, encontro com a JACAREZADA e aquele comprometimento em participar da prova nos 05 km com o Lorran. Nas conversas anteriores ao domingo, em que conversei com alguns sobre o fato, eu dizia..."o problema é o rapaz disparar e quem vai acabar quebrando sou eu..rssss".
Não vou esconder que acordei na madrugada, já para ir ao local levar os apetrechos preocupado com o que, e como, iria ser acompanhar o garoto. Tudo arrumado no local, o dia clareando, mostrando que seria mais um dia ensolarado, aos poucos um e outro JACARÉ chegando, um e outro atleta avulso ou de outra equipe que não instalou tenda, pedindo para deixar seus pertences nas nossas tendas, a hora passando e a expectativa aumentando.
Ele chegou com alguns minutos de antecedência, a Luisa colocou chip e o numero, ele já estava com a camiseta do Jacaré que já tinha sido entregue dias antes...e sinceramente não sei quem estava mais ansioso...eu, ele ou a mãe dele...rsss
A JACAREZADA em grande numero, foi dada a largada e eu segurei ele para esperar um pouco e sair mais atras.   E eu falei a ele para não disparar, para ir me acompanhando no meu ritmo, para ficar do meu lado, olhar sempre para frente e ver o que tinha pela frente, pois sabia o quanto ele tropeça nas próprias pernas..e a partir daí.....alguma coisa nos transformou....pois eu não percebi passar os 5 km...foi como se não tivesse corrido e nem caminhado.....mas simplesmente flutuado no trecho..não vi o tempo passar, não percebi as subidas, foi algo tão rápido, que de repente estávamos no portal de chegada. Ele foi praticamente o trecho todo, super obediente, determinado, onde o segurei no inicio para não disparar e em algumas esquinas tive que chamar a atenção dele pois ele facilmente se distraia com os guardas municipais...rssss...e no ponto de hidratação, não permiti que ele pegasse agua, pois ele vinha em um ritmo de quem já corre a muito tempo, em nenhum momento andou ou parou, sempre contente, feliz da vida e em uma reação espontânea faltando menos de um km, ele perguntava se iria ter medalha, como se entendesse corretamente o quanto já tinha percorrido e o quanto faltava para chegar. No percurso alguns JACARÉS e outros atletas passavam por nós e até passamos por alguns, onde eu cumprimentava e ele tomava a mesma atitude naturalmente...e quando perguntava a ele se estava tudo bem...ele dizia que sim e fazia a mesma pergunta.."e você, está bem?"....rssss
Ao chegarmos ao ginásio, entrando no portal a mãe dele o aguardava, e ele me abraçou por primeiro com muita força, e foi ai que senti o abraço do meu filho em mim.....e entendi porque tudo foi tão fácil, tão perfeito...e ele abraçou a sua mãe e ela ao me abraçar agradecendo, percebi que os seus olhos lacrimejavam e falei a ela que o LORRAN não era um filho especial e sim hiperespecial, ela que sempre foi e é uma mãe presente, dedicada e que sempre fez o melhor pelo Lorran, que tendo um pai distante (falando de distancia), mas que também sempre esta em contato com ele e vem visita-lo sempre, e que ele Lorran e o seu padrasto sempre estão em sintonia e se dão super bem.....são exemplos de que o AMOR não tem limite, distancia, barreiras e diferenças.
Após pegar sua medalha, pedi para a mãe aguardar pois haveria troféu para PNE, e isso eu não tinha contado a ele.  Entre uma entrega e outra de troféus, solicitei ao Samuel se poderia antecipar a dele, para ele ir embora, pois tinham outros compromissos e fui prontamente atendido....e a alegria do garoto era imensa...a emoção da mãe inexplicável....e a minha alegria e a da Luisa imensas....e após descer do palco e ver o quanto ele foi cumprimentado por vários conhecidos..já considerava o meu domingo quase perfeito...rsssss
Com a continuidade da premiação, chamaram o Aurélio para o pódio, depois a Maria Luisa, depois o Francisco Ferreira....e maior ainda a surpresa com a chamada para o terceiro lugar como maior equipe/assessoria....pois mesmo com a corrida da PM em Curitiba, haviam varias equipes tradicionais inscritas na corrida de SJP...e considerava o meu domingo quase MAIS perfeito...rssss
Me perdoem JACAREZADA, por falar só quase do LORRAN, mas foi uma experiencia recompensadora, foi algo gratificante, emocionante.
PARABENIZO A TODOS pela presença no evento, aos familiares que chegaram depois, a TODOS que desfilaram com o MANTO AZUL, que representaram MAIS UMA VEZ brilhantemente a EQUIPE, onde tive a alegria de ver sobrinhas e outros familiares participando tanto no sábado quanto no domingo.
AGRADEÇO aos que levaram as "guloseimas", aos que ajudaram na desmontagem das tendas, ao Edson da Assessocor que trouxe as mesmas, ao SAMUEL por ter cedido gratuitamente a inscrição do Lorran, por ter me avisado a colocar ele como PNE.
Duas situações mencionadas acima tenho que concluir...rsss..
- quanto ao meu domingo quase MAIS perfeito (mencionado quase no final do texto).....rsss...ERA DIA DOS PAIS, senti o abraço do meu filho no abraço do Lorran, mas faltava o abraço da minha filha, a qual estava representando a EQUIPE junto com mais alguns JACARÉS na corrida da PM em Curitiba, onde ela correu como MILITAR e a qual tenho o MAIOR ORGULHO....e ai sim depois de encontra-la e receber seu abraço meu DOMINGO foi perfeito.
- no inicio do texto mencionei "E foi ai que começou a se desenhar algo QUE EM ALGUM LUGAR alguém deve ter construído para mim e sou eternamente grato.".....só tenho a agradecer a DEUS...que desenhou e fez acontecer um FINAL DE SEMANA maravilhoso, que permitiu em algo tão simples, transformar um domingo não só de um garoto, não só de uma família, mas de muitas pessoas que conhecem o Lorran, que faz com que percebamos que as pessoas ESPECIAIS não tem que viver isoladas no seu mundo, que é possivel com gestos tão pequenos transformar a vida delas e fazer com que elas não só vivam uma vida normal, mas que façam parte do dia a dia de cada pessoa normal.  Agradecer a DEUS por me presentear com filhos maravilhosos, por ter colocado a Luisa no meu caminho e pelos AMIGOS que a cada dia se tornam mais importantes em nossas vidas e se surgir uma oportunidade de você fazer o BEM, não olhe e não se importe para QUEM, (isso tem um JACARÉ que me diz sempre..rsss)  pois DEUS nos recompensa e sou eternamente grato a ELE.

VALEUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU JACAREZADA.
SHOWZAÇO ...nesse final de semana.


CLAUDIO GURAS